edifícios

No Largo do Pelourinho, destaca-se o antigo Paço do Concelho, documentado desde o século XV. Trata-se de um edifício de planta retangular simples, de volumes escalonados com disposição horizontal, cortada pela torre. No século XIX, por altura das Invasões Francesas, Junot mandou picar as pedras de armas presentes no edifício, por Belmonte não se ter rendido.

, , , ,

Vila de Belmonte

Biblioteca Municipal de Belmonte

Edifício tardo-medieval constituído por duas alas e uma torre descentralizada.

Foi construído em finais do século XV, sofrendo depois obras de remodelação em 1854 e em 1896. Apresenta uma planta retangular simples, com dois andares, onde se destaca a torre do relógio.

 

Localização:
Rua Pedro Álvares Cabral
6250-088 Belmonte

 

Edifício maneirista com três pisos, a apresentar características de arquitetura maneirista. Foi provavelmente construído no século XVIII ou XIX, tendo já pertencido à família Cabral e aos Condes de Belmonte.

Segunda residência da família Cabral, destinada a substituir o Paço do Castelo que havia sido afectado por um incêndio no século XVII. O brasão é do século XIX.

 
 
 

Edificio do século XVIII. Destinava-se ao armazenamento das rendas da família Cabral. Actualmente, encontra-se aqui instalado o Ecomuseu do Zêzere, uma estrutura que aborda o rio Zêzere numa perspectiva do seu património natural e cultural, privilegiando os aspectos ligados à fauna, flora, uso do solo e povoamento.

Subscribe to edifícios